ALEH Blog

Blog do Alessandro Andrade. Magrinho, Engenheiro e toca violão.

Category: Música (page 1 of 3)

O dia em que fui expulso por saber tocar um acorde


Bem, se você não me conhece e todas as referências neste blog relacionados à violão e outros instrumentos musicais não foram suficientes, saiba agora que eu gosto de tocar violão e outras coisas. Toco desde os 16 anos, quando ganhei meu primeiro violão de Natal do meu pai. Ainda tenho este violão comigo, ele me traz boas lembranças.

Mas dentre várias histórias relacionadas a tocar instrumentos, uma delas me chama atenção até hoje pelo aspecto inacreditável de seu rumo. Resolvi registrá-la aqui e compartilhar com o mundo para, talvez, encontrar algum sentido na mesma.

Pois bem, eu estava no 3º ano do ensino médio e estudava em um colégio particular de Brasília/DF. Fazia pouco tempo que eu tocava violão e nessa época eu e um amigo meu estávamos empolgados com um determinado estilo musical, sobre o qual já falei em outra postagem: o Rock. Leia mais…


QR Code

Ukulele: um instrumento levado ao Havaí por um português


Pra quem não ficou sabendo, ou simplesmente não convive comigo, gostaria de começar esse texto dizendo que eu comprei um pequeno instrumento havaiano chamado ukulele. Existem divergências sobre a forma certa de se pronunciar essa palavra, eu no começo falava “ukulelê”, mas percebi que a forma mais usada seria “ukulêle”.

Hudson_HUK-S_Soprano_Ukulele

Bem, meu interesse em tocar ukulele começou quando eu ouvi mais detalhadamente a seguinte música:

Essa música se chama “Sea of Serendipity” e faz parte da trilha sonora do jogo de video-game Rayman. Eu descobri a música quando instalei uma versão do jogo do Rayman para celular. Ela ficou simplesmente instalada na minha cabeça, mas não de uma maneira ruim. Era como se tivessem conseguido traduzir a tranquilidade para um assobio e um instrumental. A partir daí determinei que precisava aprender a tocar essa música. Leia mais…


QR Code

Melhor pedido de casamento do ano


Isso sim é uma forma de deixar a pretendente impressionada:

Na quarta-feira, 23 de maio de 2012, eu disse a minha namorada para me encontrar na casa da minha mãe para jantar. Quando ela chegou, eu orientei meu irmão para pedir pra ela sentar na parte traseira de um HondaCRV aberto e dar-lhe alguns fones de ouvido. Ele “queria tocar uma música para ela” …
O que ela teve em vez disso foi a primeira proposta de casamento do mundo com dublagem ao vivo.

Divirta-se!

Eu achei muito fera!

 

via The Daily What e Cortissa.


QR Code

Para nossa alegria


Eu poderia explicar muitas coisas (das poucas que sei) sobre esse vídeo. Mas nenhuma explicação seria melhor do que simplesmente assisti-lo.

Acompanhem:

(link para ver no YouTube)

Pra mim, só a cara que os dois fazem na introdução da música já valem o vídeo inteiro.

Quero ver esses 3 serem entrevistados na televisão o mais rápido possível!

 


QR Code

4 vozes acappella por mim mesmo


Não sei se você sabe, mas eu gosto de música. Quando digo gosto de música, não quero dizer que apenas ouço o dia todo ou coisa do tipo. Eu toco violão (caso você não tenha visto ali perto  do nome deste blog), um pouco de guitarra, além de arriscar cantar de vez em quando. Na verdade, no quesito “arriscar” entram também teclado, contrabaixo, bateria, gaita… e flauta doce, mas acho que flauta doce nem conta, porque todo mundo que toca alguma coisa também toca flauta doce.

Em se falando de cantar, já cantei em corais, quartetos masculinos e grupos mistos. Minha voz é Baixo, por mais que quem converse comigo não acredite que alguém com uma risada tão fina possa cantar com uma voz parecida com a do Darth Vader.

Há algum tempo atrás, instalei no meu computador um programa de edição de áudio chamado Cool Edit, muito bacana pra quem é amador e quer brincar de estúdio de gravação. Nessa época, resolvi tentar gravar sozinho algumas músicas com 4 vozes, só pra ver no que dava. A qualidade não era lá essas coisas, porque o microfone não ajudava e minhas técnicas de edição também não eram essas coisas. Gravei, mostrei pra algumas pessoas próximas, que até acharam legal, mas deixei salvo e praticamente esqueci.

Hoje eu estava fuçando uns arquivos antigos no meu HD e algumas publicações na web também antigas e achei algumas dessas gravações e resolvi “mostrar ao mundo” aqui no meu blog. (Como se este blog fosse realmente visitado por outras pessoas que não sejam meus parentes… mas, enfim.)

Ouçam e digam o que acham:

I Feel Good (Negro Spiritual):

A Minha Esperança (de Valdecir Lima e Lineu Soares):

E aí, que  nota você dá? Continuo com essa idéia maluca?

ps.: apesar do título do post, na música “A Minha Esperança” tem umas 6 vozes.


QR Code
Older posts

© 2008 - 2017. ALEH Blog

Theme by Anders NorenUp ↑

Licença Creative Commons
ALEH Blog de Alessandro Andrade está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://www.aleh.com.br.