Deixa eu ver se entendi…

Segundo a Bíblia, há muito tempo atrás, Deus lançou pragas contra o Egito.

Na última delas, disse que todos os primogênitos egípcios seriam exterminados (com a passagem do anjo da morte por sobre suas casas), mas os de Israel seriam poupados.
Para isso, os de Israel deveriam imolar um cordeiro, e passar o sangue nas portas das casas e Deus passaria por elas.
O rei do Egito perdeu seu filho (primogênito) e deixou que os Israelitas fossem livres e poderiam ir embora.

A partir de quando eles saíram do Egito: ficou essa marca registrada como a 1ª Páscoa.

Segundo o Novo Testamento, Cristo é o sacrifício da Páscoa.

“Eis o Cordeiro de Deus, Aquele que tira o pecado do mundo” (João, 1:29)

“Purificai-vos do velho fermento, para que sejais massa nova, porque sois pães ázimos, porquanto Cristo, nossa Páscoa, foi imolado.” (1Co 5:7).

Os cristãos se apropriaram da imagem do ovo (de “outras culturas”) para celebrar a ressurreição de Jesus, nas festividades da Páscoa que teve a sua época estabelecida pelo Concílio de Nicéia, realizado em 325, quando foi estabelecido o culto à data.

Na época, pintavam os ovos (geralmente de galinha, gansa ou codorna) com imagens de figuras religiosas, como o próprio Jesus e sua mãe, Maria.

Juntando tudo isso, hoje a gente comemora a Páscoa se empanturrando de chocolate!

O.o

?

PS.:

¹ Postei isso na época da Páscoa de 2007 no meu fotolog. Tava lembrando esses dias que ele ainda tá lá.

² Mais informações sobre a história da Páscoa podem ser vistas neste artigo da Wikipedia.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

QR Code

Deixe seu comentário!

Comentários